COLETA E ANÁLISE MICROBIOLÓGICA DA BILE DE SUÍNOS JOVENS

  • Edmilson Rodrigo Daneze Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Universidade Estadual Paulista - UNESP, Jaboticabal-SP.
  • Aline Gomes de Campos Faculdade Dr. Francisco Maeda - FAFRAM/FE, Ituverava-SP.
  • Júverson Alves Terra Júnior Universidade Federal do Triângulo Mineiro - UFTM, Uberaba-MG.
  • Rogério Gomes da Silva Laboratório de Análises Clínicas, Santa Casa de Misericórdia, Ituverava-SP.
  • Silvia Azevedo Terra Faculdade Dr. Francisco Maeda - FAFRAM/FE, Ituverava-SP. In memoriam.
Palavras-chave: Laparoscopia, Colangite, Fígado, Vesícula biliar, Cicatrização

Resumo

O objetivo do presente estudo foi realizar a análise microbiológica da bile de um grupo de suínos coletada durante procedimento videolaparoscópico. Para isso, foram utilizados 11 suínos da raça Landrace originários de mesma matriz. O procedimento videolaparoscópico consistiu na exploração da cavidade abdominal, identificação do fígado e do trato biliar. Para a coleta de bile uma agulha foi posicionada sobre o rebordo costal direito do animal e, através da pele, inserida na cavidade abdominal e, pela imagem gerada no monitor videolaparoscópico, guiada até o corpo da vesícula biliar, onde foi introduzida e procedeu-se a aspiração de 3,0 ml do conteúdo. A bile coletada foi semeada em placas de Petri contendo, individualmente, os meios de cultura Ágar Sangue, Ágar CLED e Ágar Sabouraud. O procedimento transcorreu de forma satisfatória em todos os animais, não ocorrendo complicações relevantes durante o mesmo e proporcionando fácil identificação e manejo do parênquima hepático, assim como, exposição do hilo hepático e da vesícula biliar. A cicatrização das feridas cirúrgicas foi considerada rápida e satisfatória. Nos exames microbiológicos, nenhuma colônia de bactérias ou fungos foi encontrada nas culturas realizadas e analisadas dentro do período protocolar, fato que pode ser associado à baixa idade dos animais utilizados. 

Biografia do Autor

Edmilson Rodrigo Daneze, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Universidade Estadual Paulista - UNESP, Jaboticabal-SP.
Doutorando, Programa de Pós-graduação em Medicina Veterinária (Patologia Animal), FCAV-Unesp.
Publicado
2016-03-30
Seção
Artigo Clínica e Cirurgia de Grandes Animais