A PAIXÃO DA CÓLERA EM "CINZAS DO NORTE", DE MILTON HATOUM

  • Miriam Moscardini Universidade de Franca
  • Vera Lucia Rodella Abriata Universidade de Franca
Palavras-chave: Milton Hatoum, Semiótica francesa, paixão, cólera.

Resumo

Este estudo objetiva analisar cenas do romance Cinzas do norte, de Milton Hatoum, baseando-se principalmente na semiótica francesa. Nosso enfoque será o estudo da paixão da cólera e suas variantes, tal como as concebe Jacques Fontanille em Dictionnaire de passions littéraires (2005). Sabe-se que os estudos semióticos visam ao estudo das paixões como efeitos de sentido inscritos e codificados na linguagem. Fontanille estabelece uma sequência canônica da paixão da cólera a qual utilizaremos em nossa análise, objetivando identificá-la no texto hatouniano. O estudo da paixão da cólera, que se concretiza no romance, é importante porque nos possibilita, por meio da sequência canônica, entendermos como se dá a relação conflituosa entre pai e filho existente na obra, revelando-nos como o enunciador tece os sujeitos de papel e os inscreve no texto, revelando-nos seus estados de alma, enfim, as paixões humanas.
Publicado
2010-10-25
Seção
Artigos