MICROFILÁRIA EM SEDIMENTO URINÁRIO DE CÃO

Verônica Cristina de Oliveira Aguilera, Douglas Porto Pereira Gomes, Evelyn Vieira Zanesco, Andresa Guimarães, Cristiane Divan Baldani

Resumo


Exame de sedimento urinário (EAS) de canino onde observa-se discreta hematúria e presença de microfilárias. Animal apresentava quadro de congestão cardíaca, ascite e dispneia. Foram realizados exames de hemograma, análise de líquido cavitário e urinálise. Todos os exames realizados continham presença de microfilárias. A presença do parasita na urina provavelmente está associada a migração passiva da corrente sanguínea para os rins devido a uma doença renal pré-existente como a glomerolonefrite. A Dirofilariose causa uma expansão mesangial e espessamento da parede dos capilares, proporcionando fragilidade dos mesmos e assim permitindo a saída do parasita da corrente sanguínea para cavidade e órgãos.


Palavras-chave


Microfilária, Urina, Cão



DOI: http://dx.doi.org/10.26843/investigacaov1762018p%25p