CRIPTOCOCOSE EM GATO NO MUNICÍPIO DE PATOS – PB

Laura Honório de Oliveira Tolentino

Resumo


A criptococose é uma doença infecciosa fúngica com potencial fatal cosmopolita que acomete mamíferos domésticos, principalmente o gato e o cão, animais silvestres e o homem, sendo  também conhecida   como torulose, blastomicose   europeia ou Doença de Busse-Buschke.   O gente etiológico é o Cryptococcus neoformans, a forma assexuada do basidiomiceto Filobasidiella neoformans, uma levedura encapsulada. A foto exposta trata-se de um material coletado por meio de imprint de lesão nasal, em um gato atendido no Hospital Veterinário da UFCG – Patos – PB. A amostra foi coletada e logo fixada e corada por Panótico. Em seguida analisada por microscopia óptica de imersão (aumento de 100x). O animal respondeu bem ao tratamento.


Palavras-chave


Zoonose, Cryptococcus neoformans , imprint, lesão cutânea



DOI: http://dx.doi.org/10.26843/investigacaov1762018p%25p