AVALIAÇÃO ERITROCITÁRIA ATRAVÉS DA BIOTECNOLOGIA DE CITOMETRIA DE FLUXO

Lucas Amoroso Lopes de Carvalho, Nathan da Rocha Neves Cruz, Patrícia Jábali Bueno, Aureo Evangelista Santana

Resumo


Os eritrócitos podem ser facilmente analisados por meio da citometria de fluxo, por terem uma complexidade particular e não precisarem de marcações imunofenotípicas específicas com as células nucleadas, reduzindo assim o custo da utilização da técnica. O presente tem como objetivo fazer uma revisão científica de relatos científicos sobre a utilização da citometria de fluxo para a avaliação eritrocitária e apresentar essa biotecnologia como ferramenta diagnóstica na rotina veterinária, a fim de identificar na população eritrocitária e suas possíveis alterações. Morfocitometria populacional, fragilidade osmótica, reticulocitometria, marcações de eritroparasitas e marcadores anti-eritrocitários são alguns exemplos desta biotecnologia para a avaliação eritrocitária.


Palavras-chave


Hematologia; eritrócitos; FACS

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.26843/investigacao.v16i8.2435