O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • RESUMOS DE ANAIS DE CONGRESSO/ SIMPÓSIO

    *Resumos devem seguir as próprias "diretrizes para autores", disponíveis na plataforma ou nos folders do evento.

  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao Editor".

  • Os arquivos para submissão estão em formato Microsoft Word (desde que não ultrapassem 2MB). Envie um documento com todos os dados; e um outro documento suplementar sem as informações pessoais ou institucionais.

  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na seção Sobre a Revista.
  • Para a publicação dos trabalhos, os autores deverão cumprir, rigorosamente, as instruções anteriores. Portanto, o artigo, antes de ser encaminhado, deverá passar por um exame minucioso para verificar o cumprimento das normas, evitando-se a devolução para que seja reformulado.

    Pequenas alterações na estrutura formal poderão ser realizadas pelos editores. Outras alterações que forem julgadas convenientes serão solicitadas aos autores.

    Os artigos aprovados serão incluídos em uma lista por ordem de chegada, que será obedecida para posterior publicação.

  • Previamente a sua execução o manuscrito foi submetido a Comissão de Ética em Pesquisa (exceção a revisão de literatura)
  • PARA SUBMETER UM ARTIGO

    Nessa etapa o usuário deve estar cadastrado como AUTOR e não somente como LEITOR (verifique em seu perfil - coluna à direita). Caso esteja marcado AUTOR e LEITOR será possível o envio do artigo pela "página do usuário" e em sequência "nova submissão".

Diretrizes para Autores

Prezados autores

A revista Investigação está passando por uma reformulação e devido a esse motivo não estaremos aceitando novas submissões. Esperamos o quanto antes liberarmos o sistema para novas submissões. Agradecemos a compreensão e pedimos desculpas pelo transtorno.

 

Equipe editorial

 

AUTHOR GUIDELINES

(Versão em português pode ser encontrado abaixo)

 

INVESTIGAÇÃO

(INVESTIGATION


INVESTIGAÇÃO is published 4 times a year. The scope of INVESTIGAÇÃO is to publish scientific papers in Veterinary Medicine, General Medicine and Health Sciences, Biological Sciences and Agricultural areas such as original articles (full papers), case reports, paper review, short communication, and what is your diagnosis?

 

Submission Process

All manuscripts should be submitted online at publicacoes.unifran.br/index.php/investigacao/author Full instructions and support are available on the site and a user ID and password can be obtained on the first visit. All articles published in INVESTIGAÇÃO are double-blinded peer-reviewed. Our objective is to inform authors of the decision on their manuscript within 25 days. Following acceptance, a paper will normally be published in the next available issue. Prior to submission it is mandatory careful reading of “author guidelines.

 

PREPARATION OF MANUSCRIPT

The document must be presented in Word in “docx” format. The font Times New Roman 12 should be used (including tables and figure legend).  Use single spacing (1.0) throughout the text. The pages must be numbered continuously centered on the bottom edge of the page and lines numbered continuously. Only English or Portuguese language will be accepted.

Use of animals - Manuscripts submitted for publications must contain a statement that the study protocol was approved by a local Ethics Commission. 

 

FIGURES AND TABLES

They should be inserted throughout the text (eg Figure 1, Figure 2 ... / Table 1, Table 2, etc.).

Images from articles, books, etc. Must be sent separately with a letter of permission for the use of image / copyright for use signed by the author and / or publisher. If this is not possible, only personal images may be used.

 

STYLE AND FORMAT

Special Session

Invited Reviews will be sought by the Editorial Board for comprehensive review of a specific subject. This section is only for invited authors.

 

Original articles (full papers)

Consists on the presentation of unpublished data with a maximum of 15 pages (including the subtitles, tables and/or figures and references).

At the beginning of the text it may contain the word “ORIGINAL ARTICLE”, just below it’s necessary classify the area (eg. SMALL ANIMAL PRACTICE, LARGE ANIMALS). Both must be written in Caps Lock, bold and centered.

TITLE Caps Lock, bold and centered

AUTHOR(S): name and surname (middle name abbreviated) (eg. Geórgia M. Magalhães), and in case of more than one author, separate using commas. At the end of each name, superscript numbers corresponding to institution data, department, state and country must be used. Identified with “*” the corresponding author.

ABSTRACT (preferably starting with the objectives, with a maximum of 250 words),

KEY-WORDS (minimum of 3 and maximum of 6 words),

INTRODUCTION (900 to 3000 characters without spaces)

MATERIAL AND METHODS (Starting with local Ethics Commission protocol number. Should containing 1000-4000 characters without spaces).

RESULTS (presented clearly and concisely with 1000-4000 characters without spaces).

DISCUSSION (focused only on search results avoiding repetition of the results or revisions without character limit).

CONCLUSIONS (this element must be presented along with the discussion in the last paragraph)

ACKNOWLEDGEMENTS (when relevant)

REFERENCES (maximum of 35 references; IMPORTANT: in all forms of presentation, this topic should be avoided quotes from books, dissertations, theses, etc.; it is preferable to use scientific articles).

 

CASE REPORT

Concise presentation of clinical and/or pathological case(s) with unpublished results or situations in order to interest in the area of agricultural and health sciences, with a maximum of 6 pages regardless of tables and/or figures.

At the beginning of the text it may contain the word “CASE REPORT”, just below it’s necessary classify the area (eg. SMALL ANIMAL SURGERY, LARGE ANIMALS). Both must be written in Caps Lock, bold and centered.

TITLE Caps Lock, bold and centered

AUTHOR(S): name and surname (middle name abbreviated) (eg. Geórgia M. Magalhães), and in case of more than one author, separate using commas. At the end of each name, superscript numbers corresponding to institution data, department, state and country must be used. Identified with “*” the corresponding author.

ABSTRACT (preferably starting with the objectives, with a maximum of 250 words),

KEY-WORDS (minimum of 3 and maximum of 6 words),

INTRODUCTION (maximum of 1.500 characters without spaces)

CASE REPORT (Starting with local Ethics Commission protocol number (when relevant), including in this topic results, discussion and conclusions using 1.000-5.000 characters without space).

ACKNOWLEDGEMENTS (when relevant)

REFERENCES (maximum of 15 references).

 

Paper review

Must be written in the first person and  pertinently discussed, with the subject strictly related to the author's area of expertise and the journal's scope, limited to 15 pages (regardless of tables and/or figures).

At the beginning of the text it may contain the word “PAPER REVIEW”, just below it’s necessary classify the area (eg. SMALL ANIMAL SURGERY, LARGE ANIMALS). Both must be written in Caps Lock, bold and centered.

TITLE Caps Lock, bold and centered

AUTHOR(S): name and surname (middle name abbreviated) (eg. Geórgia M. Magalhães), and in case of more than one author, separate using commas. At the end of each name, superscript numbers corresponding to institution data, department, state and country must be used. Identified with “*” the corresponding author.

ABSTRACT (preferably starting with the objectives, with a maximum of 250 words),

KEY-WORDS (minimum of 3 and maximum of 6 words),

INTRODUCTION (900 -1,500 characters without spaces)

DISCUSSION is not necessary to follow the word “discussion”. It may present topics or not. Must contain containing 3,000-15,000 characters without spaces).

FINAL CONSIDERATIONS or CONCLUSIONS (displayed along the "discussion" in the last paragraph),

ACKNOWLEDGEMENTS (when relevant)

REFERENCES must contain current and relevant articles of the topic in which it is inserted.

 

SHORT COMMUNICATION

It consists of the complete description of an important research paper or in progress, new methodologies and/or scientific relevance, with a limit of 5 pages (regardless of the figures and/or tables which are limited to 2).

At the beginning of the text it may contain the word “SHORT COMMUNICATION”, just below its necessary classify the area (eg. SMALL ANIMAL SURGERY, LARGE ANIMALS). Both must be written in Caps Lock, bold and centered.

TITLE Caps Lock, bold and centered

AUTHOR(S): name and surname (middle name abbreviated) (eg. Geórgia M. Magalhães), and in case of more than one author, separate using commas. At the end of each name, superscript numbers corresponding to institution data, department, state and country must be used. Identified with “*” the corresponding author.

ABSTRACT (preferably starting with the objectives, with a maximum of 250 words),

KEY-WORDS (minimum of 3 and maximum of 6 words),

INTRODUCTION (100-500 characters without space),

MATERIALS AND METHODS (Starting with local Ethics Commission protocol number (when relevant). Should containing 1,000 characters without spaces).

RESULTS (presented in a clear and concise manner with 3,000 characters without space,

DISCUSSION (focused only on the results of the research avoiding repetition of the results or reviews, without limits of characters). CONCLUSIONS (last paragraph of discussion. It’s not necessary to write the word “conclusion”),

ACKNOWLEDGEMENTS (when relevant)

REFERENCES (maximum of 12 references).

 

WHAT’S YOUR DIAGNOSIS?

Consists in the description of clinical and/or surgical case that it’s important in Veterinary Practice (complex clinical cases and/or with educational significance). Limited of 5 pages (regardless the figures and/or tables).

At the beginning it must contain the title “WHAT’S YOUR DIAGNOSIS”, right below use the classification “VETERINARY MEDICINE” or “HEALTH SCIENCES”. Both must be written in caps lock, bold and centered.

TITLE Caps Lock, bold and centered

AUTHOR(S): name and surname (middle name abbreviated) (eg. Geórgia M. Magalhães), and in case of more than one author, separate using commas. At the end of each name, superscript numbers corresponding to institution data, department, state and country must be used. Identified with “*” the corresponding author.

PREVIEW this modality only fits in this section. It must be shown only relevant data to the clinical, laboratory, imaging and histopathology findings. Do NOT indicate/show the diagnosis.

ABSTRACT should be inserted at the end of the text, after the references. This section must report the case completely, with no more than 250 words. Do not insert the questions or answers.

KEY-WORDS (minimum of 3 and maximum of 6) add at the end of the text, after the references. Do not indicate the diagnosis.

INTRODUCTION (this item should not be inserted in this modality)

CLINICAL CASE start with this modality (containing up to 2000 characters without spaces), the figures/tables of the relevant tests must be inserted along the description of the case. Insert only the necessary and what is important for the conduct – do not insert unnecessary data (eg. alterations were not observed in auscultation). At the end of the description insert 5 to 10 specific questions of the case that must be answered in the discussion (insert into a table according to the model).

DISCUSSION (based on the previous questions, the answers should be addressed and answered with the assistance of literature review and experience of the research group, without character limit)

FINAL CONSIDERATIONS (this element is not necessary, however when present must be add at the end of the discussion)

 ACKNOWLEDGEMENTS (not applicable for this modality)

REFERENCES (maximum of 10 updated references).

IMPORTANT: The concepts, opinions and descriptions presented in the papers are fully responsibility of the author(s), where the even(s), after approval, shall be shall be accompanied by a document signed by all the authors mailed or scanned by email.  

 

REFERENCES

Referring to quotations throughout the text. They should be presented in chronological order and they should follow the example:

 1 author:

- At the beginning of the sentence:

"According to Freire (2009) variations on intra-abdominal pressure does not promote ..." or "Variations on intra-abdominal pressure does not promote hemodynamic changes, as described by Freire (2009) ..."

- At the end of the sentence:

"Variations on the intra-abdominal pressure does not promote hemodynamic changes (FREIRE, 2012)."

 2 authors:

- At the beginning of the sentence:

"Based on the observations of Mangusto and Silva (1999), there is no glomerular alterations after the application ..." or "glomerular changes are observed after application of enrofloxacin, a fact verified by Mangusto and Silva (1999)."

At the end of the sentence:

“After the  application of enrofloxacin glomerular changes are not observed (MANGUSTO and SILVA, 1999). "

 More than 2 authors:

- At the beginning or middle of the sentence:

"Almeida et al. (2012) reported that the effects on ventilatory parameters ... "or" The effects on the ventilatory parameters have been described by Almeida et al. (2012) checking ... "

-At the end of the sentence:

"... Changes were not observed on the ventilatory parameters (SANTOS et al. 2011; ALMEIDA et al. 2012) 


REFERENCES

Must be submitted at the end of the work (except in the form "What is your diagnosis?") In alphabetical order following the format below.

Complete scientific journal articles:

Examples

- 1 author:

Kästner SB. 2006. A2-agonists in sheep. Veterinary Anaesthesia and Analgesia. 32(2):79-96.

- 2 authors:

Bouchenafa O, Livingston A. 1987. Autoradiographic localisation of alpha 2 adrenoceptor binding sites in the spinal cord of the sheep. Research Veterinary Science. 42(3):382-386.

- More than 3 authors:

Crivellenti LZ, Silveira MP, Silva AN. et al. 2014. Transrectal bladder prolapse secondary to pelvic fracture in two dogs. Journal of Small Animal Practice. 55(8):424-426.

 

Abstracts published in Annals

The criteria for the inclusion of the authors follow the same pattern for scientific papers, first being the name (s) of author (s), year of publication, title of the work, event name, volume (when there is more than one ), city, country and page. 

Examples:

Crivellenti LZ, Silva GEB, Borin-Crivellenti S. et al. 2015. Glomerulopathies in dogs with erlichiosis - preliminary results. In. 40th World Small Animal Veterinary Association – WSAVA. Bangkok, Tailândia, p. 76.

Honsho CS. 2013. Ocular effects of the retrobulbar block with different local anesthetics in healthy dogs. In 44th Annual Meeting of the American College of Veterinary Ophthaomologists. Rio Grande, Puerto Rico. 16(6), p. 83.

 

Books:

The criteria for the inclusion of references to books, follow the same pattern for scientific papers, first being the name (s) of  author (s) of the chapter, year of publication, chapter title, author (s) of the book , name of the book, edition, city editor, publisher and pages. 

Examples:

Crivellenti LZ, Borin-Crivellenti S. 2015. Casos de Rotina em Medicina Veterinária de Pequenos Animais. MedVet Ltda, São Paulo, p. 840.

 

Book Chapter:

Example:

Cortopassi SRG, Mattos Junior E. 2014. Técnicas anestésicas utilizadas no exame ultrassonográgico. In: Carvalho C.F. Ultrassonografia em pequenos animais. 2. ed. São Paulo: Roca. pp. 41-60.

 

Electronic Documents:

Must inform the origin of the document (Internet or CD), with authors' names (if any, following the same criteria for scientific papers) or the name of the responsible institution, year, title of publication, website (internet) or bonds annals with event name, city and country of realiação (CD) and data access (internet). 

Examples:

Doc. eletrônico (internet): Veterinary Anesthesia & Analgesia Support Group. 2003. Newer options for chronic pain management. 1 p. Disponível em: http://www.vasg.org [Acessado em 03/2015].

 

Doc. eletrônico (CD): Borges L.P. et al. 2014. Analgésicos opioides não potencializam os efeitos sedativos da dexmedetomidina em ovinos. In: Anais do XI Congresso Brasileiro de Anestesiologia Veterinária. (Águas de Lindóia, Brasil). 1 CD-ROM.

 

Theses / dissertations

Mattos Junior E. 2008. Avaliação biespectral, cardiorrespiratória e hemogasométrica em cadelas submetidas a ovariosalpingohisterectomia, tratadas com acepromazina associada ou não a meperidina e anestesiadas com halotano, isofluorano ou sevofluorano. 175f. São Paulo, SP. Dissertação (Mestrado em Clínica Cirúrgica Veterinária) - Programa de Pós-graduação em Clínica Cirúrgica Veterinária, Universidade de São Paulo.

  

CONDITIONS FOR SUBMISSION

As part of the submission process, authors are required to check the conformity of submission for all the items listed below. Submissions that do not comply with the rules will be returned to authors.

  1. The contribution is original and unpublished, and is not being evaluated for publication by another journal; otherwise it must be justified in "Comments to the Editor".
  2. The submission file is in Microsoft Word format (provided they do not exceed 2MB)
  3. The text adheres to the stylistic and bibliographic requirements outlined in the Author Guidelines in About the Journal.

For the publication of the work, the authors must comply strictly, the above instructions. Therefore,the  Article, before being forwarded, should undergo a thorough examination to check compliance with the rules, avoiding the return to be reworked.

Small changes in the formal structure may be held by the editors. Other changes deemed convenient to require from authors.

  1. Approved articles will be included in a list in order of arrival, which will be obeyed for later publication.
  2. Prior to its implementation the manuscript was submitted to the Commission for Research Ethics (except for the literature review)
  3. TO SUBMIT AN ARTICLE

In this stage the user must be registered as AUTHOR and not only as READER (verify on your profile- in the right column). In case it is marked as AUTHOR and READER it will be possible the submission of the article by “user’s page” followed by “new submission”.

Nessa etapa o usuário deve estar cadastrado como AUTOR e não somente como LEITOR (verifique em seu perfil - coluna à direita). Caso esteja marcado AUTOR e LEITOR será possível o envio do artigo pela "página do usuário" e em sequência "nova submissão".

 

DECLARATION OF COPYRIGHT

Regarding the ideological responsibility, the concepts expressed in the published works will be of exclusive responsibility of the authors, not necessarily reflecting the opinion of the body of Associate Editors and ad hoc consultants. The ethical sense must prevail on all items of any kind or category. Research results involving humans and animals must be attached to the copied articles approval of the Commission on Ethics in Research.

 

PRIVACY POLICY

The names and addresses submitted in this journal will be used exclusively for the stated purposes for this publication and will not be available for other purposes or to third parties. 

 

FEES FOR AUTHORS

This journal charges the following fees to the authors.

The fees ensure that evaluation, editorial decision, and author notification occur in up to 25 days. All the articles published by INVESTIGAÇÃO are free for open access.

 

 

INVESTIGAÇÃO / INVESTIGATION

(English version can be found above)

Os objetivos da revista INVESTIGAÇÃO são de publicar trabalhos científicos nas áreas de Ciências Agrárias e da Saúde nas modalidades de artigos originais (completos), relatos de caso, comunicação científica (nota), revisão de literatura e qual o seu diagnóstico?

 

MÉTODO DE AVALIAÇÃO

 

Para a publicação dos artigos no periódico, os mesmos estarão sujeitos a análise criteriosa das normas editoriais, dos pareceres dos Editores Chefe e/ou dos assessores ad hoc. Previamente ao envio dos trabalhos, é obrigatória a leitura atenta da formatação, aonde NÃO SERÃO ACEITOS os manuscritos que não estiverem em concordância com as normas apresentadas.

 

REQUISITOS TÉCNICOS

 O documento deve ser apresentado no editor de texto Word em formato “.docx”, respeitando as margens: superior e inferior de 2,0 cm e direita e esquerda de 1,5 cm,  fonte Times New Roman , tamanho 12 (inclusive o texto e números das tabelas e figuras) com espaçamento simples (1,0) entre linhas, parágrafo com recuo de 1,5 cm. As páginas devem ser numeradas continuamente centralizadas na borda inferior da página e as linhas numeradas continuamente. Serão aceitos trabalhos nas línguas inglesa, portuguesa e espanhola.

Subtítulos devem ser apresentados em negrito sem caixa alta (não usar números). Caso seja necessário subtópicos dentro dos subtítulos devem ser usados em itálico e paragrafo com recuo de 1,5 cm 


FIGURAS E TABELAS

Devem ser inseridas logo após a chamada no texto (ex. Figura 1, Figura 2.../ Tabela 1, Tabela 2, etc).

Imagens provenientes de artigos, livros, etc. deverão ser encaminhadas em separado com uma carta de permissão de uso de imagem/diretos autorais de uso assinada pelo autor e/ou editora. Caso isso não seja possível, apenas imagens pessoais poderão ser usadas.


MODALIDADES DE ARTIGOS

SEÇÃO ESPECIAL

Nesta modalidade serão aceitos os trabalhos apenas por meio de convite especial de experts ou grupo de pesquisa em uma determinada área a abordar um tema específico. As formas de apresentação e outros requisitos serão enviados diretamente aos convidados.

 

TRABALHO DE PESQUISA (ARTIGO):

Consiste na apresentação de dados inéditos e/ou de relevância científica com no máximo de 15 páginas (incluíndo as legendas tabelas e/ou figuras) e referências.

No início do texto deve conter a apalavra "ARTIGO", logo abaixo usar a classificação a qual o artigo se insere (ex. CLÍNICA MÉDICA DE PEQUENOS ANIMAIS). Ambos devem ser usados em caixa alta, negrito e centralizado.

TÍTULO (português) caixa alta, centralizado em negrito

TITLE (inglês) itálico logo abaixo do título em português.

AUTOR(ES) nome e sobrenome (nome do meio abreviado) (ex. Geórgia M. Magalhães), e em caso de mais de um autor, separar por vírgula. A titulação dos respectivos devem ser adicionadas antes dos nomes. Ao final de cada nome devem ser inseridos números sobrescritos correspondentes aos dados da instituição de origem, departamento, estado e país. O autor correspondente deve ser identificado com “*”.

RESUMO/ABSTRACT (preferencialmente iniciando com os objetivos, com no máximo 250 palavras),

PALAVRAS-CHAVE/KEY-WORDS (mínimo de 3 e máximo de 6),

INTRODUÇÃO (900 a 3000 caracteres sem espaço)

MATERIAL E MÉTODO (Iniciando com a apresentação do número de protocolo do CEUA e contendo 1000 a 4000 caracteres sem espaço).

RESULTADOS (apresentados de forma clara e concisa com 1000 a 4000 caracteres sem espaço).

DISCUSSÃO (focada apenas nos resultados da pesquisa evitando repetição dos resultados ou revisões, sem limite de caracteres).

CONCLUSÕES (este elemento deve ser apresentado em conjunto com a discussão no último parágrafo).

AGRADECIMENTOS (quando pertinentes)

REFERÊNCIAS (limite máximo de 35 referências; IMPORTANTE: em todas as modalidades de apresentação, neste tópico deve-se evitar citações de livros, dissertações, teses e trabalhos de conclusão de curso; sendo preferível a utilização de artigos científicos).

 

RELATO DE CASO

Apresentação concisa de caso(s) clínico(s) e/ou patológico(s), resultados inéditos ou situações afim de interesse na área de ciências agrárias ou da saúde, com no máximo 6 páginas independente de tabelas e/ou figuras.

No início do texto deve conter a apalavra "RELATO DE CASO", logo abaixo usar a classificação a qual o relato de caso se insere (ex. CLÍNICA CIRÚRGICA PEQUENOS ANIMAIS). Ambos devem ser usados em caixa alta, negrito e centralizado.

TÍTULO (português) caixa alta, centralizado em negrito

TITLE (inglês) itálico logo abaixo do título em português.

AUTOR(ES) nome e sobrenome (nome do meio abreviado) (ex. Leandro Z. Crivellenti), e em caso de mais de um autor, separar por vírgula. A titulação dos respectivos devem ser adicionadas antes dos nomes. Ao final de cada nome devem ser inseridos números sobrescritos correspondentes aos dados da instituição de origem, departamento, estado e país. O autor correspondente deve ser identificado com “*”.

RESUMO/ABSTRACT (preferencialmente iniciando com os objetivos, com no máximo 250 palavras),

PALAVRAS-CHAVE/KEY-WORDS (mínimo de 3 e máximo de 6),

INTRODUÇÃO (até 1.500 caracteres sem espaço)

RELATO DO CASO (iniciando com a apresentação do número de protocolo do CEUA/CEPE (quando cabível),  devendo estar incluídos neste tópico resultados, discussão e conclusões contendo 1.000 a 5.000 caracteres sem espaço).

AGRADECIMENTOS (quando pertinentes)

REFERÊNCIAS (limite máximo de 15 referências).

 

REVISÃO DE LITERATURA

Deve ser redigida em primeira pessoa, e quando pertinente discutida, sendo o assunto estritamente relacionada à área de expertise do autor e do escopo da revista, limitando-se a 15 páginas (independente de tabelas e/ou figuras). 

No início do texto deve conter a apalavra "REVISÃO DE LITERATURA", logo abaixo usar a classificação a qual o artigo se insere (ex. CLÍNICA DE GRANDES ANIMAIS). Ambos devem ser usados em caixa alta, negrito e centralizado.

TÍTULO (português) caixa alta, centralizado em negrito

TITLE (inglês) itálico logo abaixo do título em português.

AUTOR(ES) nome e sobrenome (nome do meio abreviado) (ex. Pedro Paulo M. Teixeira), e em caso de mais de um autor, separar por vírgula. A titulação dos respectivos devem ser adicionadas antes dos nomes. Ao final de cada nome devem ser inseridos números sobrescritos correspondentes aos dados da instituição de origem, departamento, estado e país. O autor correspondente deve ser identificado com “*”.

RESUMO/ABSTRACT (preferencialmente iniciando com os objetivos, com no máximo 250 palavras),

PALAVRAS-CHAVE/KEY-WORDS (mínimo de 3 e máximo de 6),

INTRODUÇÃO (900 a 3.000 caracteres sem espaço),

DESENVOLVIMENTO não é necessário acompanhar a palavra "desenvolvimento". Podendo apresentar subdivisões em outros tópicos ou não contendo 3000 a 15.000 caracteres sem espaço).

CONSIDERAÇÕES FINAIS ou CONCLUSÕES (apresentada juntamente ao “desenvolvimento” no último parágrafo),

AGRADECIMENTOS (quando pertinentes)

REFERÊNCIAS (sem limite) deve conter artigos atuais e importantes do assunto que se insere.

 

COMUNICAÇÃO CIENTÍFICA

Consiste na descrição completa de um trabalho de pesquisa pontual ou em andamento (nota), com metodologias completas inéditas e/ou de relevância científica, com limite de 5 páginas (independente de figuras e/ou tabelas que limitam-se ao número de 2).

No início do texto deve conter a apalavra "COMUNICAÇÃO CIENTÍFICA", logo abaixo usar a classificação a qual o artigo se insere (ex. PATOLOGIA VETERINÁRIA). Ambos devem ser usados em caixa alta, negrito e centralizado.

TÍTULO (português) caixa alta, centralizado em negrito

TITLE (inglês) itálico logo abaixo do título em português.

AUTOR(ES) nome e sobrenome (nome do meio abreviado) (ex. Pedro Paulo M. Teixeira), e em caso de mais de um autor, separar por vírgula. A titulação dos respectivos devem ser adicionadas antes dos nomes. Ao final de cada nome devem ser inseridos números sobrescritos correspondentes aos dados da instituição de origem, departamento, estado e país. O autor correspondente deve ser identificado com “*”.

RESUMO/ABSTRACT (preferencialmente iniciando com os objetivos, com no máximo 250 palavras)

PALAVRAS-CHAVE/KEY-WORDS (mínimo de 3 e máximo de 6)

INTRODUÇÃO (100 a 500 caracteres sem espaço),

MATERIAL E MÉTODO (iniciando com a apresentação do número de protocolo do CEUA/CEPE e contendo até 1000 caracteres sem espaço)

RESULTADOS (apresentados de forma clara e concisa com 3000 caracteres sem espaço), DISCUSSÃO (focada apenas nos resultados da pesquisa evitando repetição dos resultados ou revisões, sem limite de caracteres)

CONCLUSÕES (este elemento deve ser apresentado em conjunto com a discussão no último parágrafo)

AGRADECIMENTOS (quando pertinentes)

REFERÊNCIAS (limite máximo de 12 referências).

 

QUAL O SEU DIAGNÓSTICO?

Consiste na descrição de caso(s) clínico(s) e/ou cirúrgicos de cunho de educação continuada nas áreas afins. É uma modalidade nova, já existente em revistas de renome internacional, buscando a discussão de casos clínicos complexos ou de importância educacional, com limite de 5 páginas (independente de figuras e/ou tabelas).

No início do texto deve conter a apalavra "QUAL É O SEU DIAGNÓSTICO", logo abaixo usar a classificação "MEDICINA VETERINÁRIA" ou "CIÊNCIAS DA SAÚDE". Ambos devem ser usados em caixa alta, negrito e centralizado.

TÍTULO deve ser apresentado após as referências bibliográficas em negrito.

TITLE (inglês) itálico logo abaixo do título em português.

AUTOR(ES) nome e sobrenome (nome do meio abreviado) (ex. Leandro Z. Crivellenti), e em caso de mais de um autor, separar por vírgula. A titulação dos respectivos devem ser adicionadas antes dos nomes. Ao final de cada nome devem ser inseridos números sobrescritos correspondentes aos dados da instituição de origem, departamento, estado e país. O autor correspondente deve ser identificado com “*”.

PRÉVIA Essa modalidade só é cabível nessa seção, sendo que devem ser mostrado apenas os dados pertinentes aos achados clínicos, laboratoriais, imagem e histopatológicos. NÃO indicar qual é o diagnóstico.

RESUMO/ABSTRACT devem ser inseridos ao final do texto, após as referências. Nessa seção deve-se reportar o com o caso clínico por completo, com no máximo 250 palavras. Não inserir as perguntas ou respostas.

PALAVRAS-CHAVE/KEY-WORDS (mínimo de 3 e máximo de 6) são inseridas ao final do texto, após as referências. Não deve indicar o diagnóstico.

INTRODUÇÃO (esse ítem não deve ser inserido nessa modalidade)

CASO CLÍNICO iniciar com essa modalidade (contendo até 2000 caracteres sem espaço), as figuras/tabelas dos exames pertinentes devem ser inseridos ao longo da descrição do caso. Inserir apenas o necessário e de importância para a condução do mesmo - não inserir dados desnecessários (ex. não foram observados alterações à auscutação). Ao final da descrição devem ser inseridas 5 à 10 perguntas específicas do caso que deverão ser respondidas na discussão (inserir na forma de tabela conforme o modelo).

DISCUSSÃO (baseada nas perguntas anteriores, as respostas devem ser direcionadas e respondidas com auxílio de revisão de literatura e experiência do grupo de pesquisa, sem limite de caracteres)

CONSIDERAÇÕES FINAIS (este elemento não é necessário, porém quando presente deve vir ao final da discussão)

AGRADECIMENTOS (não cabível para essa modalidade)

REFERÊNCIAS (limite máximo de 10 referências atualizadas).

 

IMPORTANTE: Os conceitos, opiniões e descrições apresentadas nos trabalhos são de inteira responsabilidade do(s) autore(s), aonde o(s) mesmo(s), após aprovação, devem ser acompanhados de documento assinado por todos os autores enviados pelo correio ou escaneado por email.

 

 

CITAÇÕES E REFERÊNCIAS

Referente às citações ao longo do texto. Devem ser apresentadas em ordem cronológica e as mesmas deverão seguir o exemplo:

Com 1 autor:

- No inicio da frase:

“Segundo Freire (2009) as variações sobre a pressão intra-abdominal não promovem...” ou “As variações sobre a pressão intra-abdominal não promovem alterações hemodinâmicas, conforme a descrição de Freire (2009)...”

- No final da frase:

“As variações sobre a pressão intra-abdominal não promovem alterações hemodinâmicas (FREIRE, 2012).”

Com 2 autores:

- No início da frase:

“Baseado nas observações de Mangusto e Silva (1999), não há alterações glomerulares após a aplicação...” ou “Não são observados alterações glomerulares após aplicação de enrofloxacina, fato também verificado por Mangusto e Silva (1999).”

- No final da frase:

“Após a aplicação da enrofloxacina não são observadas alterações glomerulares (MANGUSTO e SILVA, 1999).”

Com mais de 2 autores:

- No início ou meio da frase:

“Almeida et al. (2012) relataram que os efeitos sobre os parâmetros ventilatórios...” ou ainda “Os efeitos sobre os parâmetros ventilatórios já foram descritos por Almeida et al. (2012) verificando...”

- No final da frase:

“...não foram verificadas alterações sobre os parâmetros ventilatórios ( SANTOS et al. 2011; ALMEIDA et al. 2012)

 

REFERÊNCIAS:

Devem ser apresentadas no final do trabalho (exceto na modalidade "Qual é o seu diagnóstico?") em ordem alfabética seguindo a formatação abaixo.

Artigos científicos completos publicados em periódicos:

Exemplos

- Com 1 autor:

Kästner SB. 2006. A2-agonists in sheep. Veterinary Anaesthesia and Analgesia. 32(2):79-96.

- Com 2 autores:

Bouchenafa O, Livingston A. 1987. Autoradiographic localisation of alpha 2 adrenoceptor binding sites in the spinal cord of the sheep. Research Veterinary Science. 42(3):382-386.

- Com mais de 3 autores:

Crivellenti LZ, Silveira MP, Silva AN. et al. 2014. Transrectal bladder prolapse secondary to pelvic fracture in two dogs. Journal of Small Animal Practice. 55(8):424-426.

 

Resumos publicados em anais

Os critérios para a inserção dos autores seguem o mesmo padrão para artigos científicos, sendo primeiramente o nome(s) do(s) autor(es), ano da publicação, título do trabalho, nome do evento, volume (quando houver mais de um), cidade, país e página.

 

Exemplos:

Crivellenti LZ, Silva GEB, Borin-Crivellenti S. et al. 2015. Glomerulopathies in dogs with erlichiosis - preliminary results. In. 40th World Small Animal Veterinary Association – WSAVA. Bangkok, Tailândia, p. 76.

Honsho CS. 2013. Ocular effects of the retrobulbar block with different local anesthetics in healthy dogs. In 44th Annual Meeting of the American College of Veterinary Ophthaomologists. Rio Grande, Puerto Rico. 16(6), p. 83.

 

Livros:

Os critérios para a inserção das referências de livros, seguem o mesmo padrão para artigos científicos, sendo primeiramente o nome(s) do(s) autor(es) do capítulo, ano da publicação, título do capítulo, autor(es) do livro, nome do livro, edição, cidade da editora, editora e páginas.

 

Exemplos:

Crivellenti LZ, Borin-Crivellenti S. 2015. Casos de Rotina em Medicina Veterinária de Pequenos Animais. MedVet Ltda, São Paulo, p. 840.

 

Capítulo de livro:

Exemplo:

Cortopassi SRG, Mattos Junior E. 2014. Técnicas anestésicas utilizadas no exame ultrassonográgico. In: Carvalho CF. Ultrassonografia em pequenos animais. 2. ed. São Paulo: Roca. pp. 41-60.

 

Documentos eletrônicos:

Deve-se informar a origem do documento (internet ou CD), com nome dos autores (quando houver, seguindo os mesmo critérios para artigos científicos) ou o nome da instituição responsável, ano, título da publicação, endereço eletrônico (internet) ou títulos dos anais com nome do evento, cidade e país da realiação (CD) e data de acesso (internet).

 

Exemplos:

Doc. eletrônico (internet): Veterinary Anesthesia & Analgesia Support Group. 2003. Newer options for chronic pain management. 1 p. Disponível em: http://www.vasg.org [Acessado em 03/2015].

 

Doc. eletrônico (CD): Borges L.P. et al. 2014. Analgésicos opioides não potencializam os efeitos sedativos da dexmedetomidina em ovinos. In: Anais do XI Congresso Brasileiro de Anestesiologia Veterinária. (Águas de Lindóia, Brasil). 1 CD-ROM.

 

Teses/Dissertações

Mattos Junior E. 2008. Avaliação biespectral, cardiorrespiratória e hemogasométrica em cadelas submetidas a ovariosalpingohisterectomia, tratadas com acepromazina associada ou não a meperidina e anestesiadas com halotano, isofluorano ou sevofluorano. 175f. São Paulo, SP. Dissertação (Mestrado em Clínica Cirúrgica Veterinária) - Programa de Pós-graduação em Clínica Cirúrgica Veterinária, Universidade de São Paulo.

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.