A Interação Entre Produtor e Interpretador na Produção de Sentido do Texto ‘Velha História’, de Mário Quintana

Marilurdes Cruz Borges

Resumo


O presente artigo se propôs a analisar as estratégias de balanceamento dos explícitos e implícitos utilizados pelo autor Mário Quintana na composição do texto “Velha história”. Partindo dos pressupostos teóricos de Koch, Bronckart e Maingueneau, de que é necessária a interação entre produtor e interpretador/autor e leitor para que se estabeleça o sentido do texto, investigamos também as estratégias utilizadas pelo leitor, como seus conhecimentos textuais, situacionais e enciclopédicos que o auxiliaram no reconhecimento do gênero e das situações dialógicas que contribuíram para a concretização do sentido e compreensão do texto.

Palavras-chave


interação; sentido; gênero; explícito; implícito

Texto completo:

PDF